(DES)INTELIGÊNCIA DE MARKETING 1

(DES)INTELIGÊNCIA DE MARKETING 1

Dezembro 15, 2017 Não Por Márcio Mendes

Fala-se muito em inteligência de marketing, na necessidade de coletar informações corretas e saber trabalhar com elas para melhorar os resultados das marcas. E essa obsessão por inteligência está levando o marketing para o caminho da desinteligência.

Num mundo onde tudo são dados vivenciados em rede, não faltam informações para inundar a mente dos profissionais de marketing. A rotina de muitos dos profissionais da área está conectada com olhar fixo sobre uma tela, onde passam os dias imaginando o mundo ideal para suas marcas. Tudo o que precisam está em arquivos, em relatórios, em base de dados.

Este olhar fixo que parece tão natural nesta nossa época de tecnologia e algorítmicos, acaba por limitar o trabalho de marketing para a coleta incansável de dados, sem preocupação e a devida importância em ampliar o saber para trabalhar com eles para construir resultados para o mundo real que existe fora dos gráficos e planilhas.

Chamo isso de Desinteligência de Marketing, quando o mundo imaginado para as marcas possui uma grande distância para o mundo real onde as marcas efetivamente vivem.

A desinteligência acontece muito em função da forma como os profissionais se comportam atualmente, escolhendo o trabalho wifi, muitas vezes solitário de teclado, mesmo estando em chats e em reuniões intermináveis, sempre online, mas quase nunca na linha de frente, cara a cara com seus clientes, compradores, parceiros, concorrentes, fornecedores ou qualquer ator que impacte a realidade do negócio.

A desinteligência de marketing cria um mundo imaginário onde os mercados e clientes devem satisfazer as necessidades e desejos das marcas. Imaginar este tipo de cenário jamais construirá a performance que as marcas tanto almejam e de que tanto precisam.

No mundo real, o marketing inteligente trabalha para satisfazer seus mercados e seus clientes. É para isso coletamos informações, trabalhamos com elas e criamos marcas.

Compartilhe